Cobertura: Desfile de Malas rumo à Recife – Olinda


06 de Fevereiro de 2008

Lembro como se fosse hoje… A turma boa do Aidentu descendo pelo elevador do Hotel Fator cantarolando aquele velho sucesso…


“É de fazer chorar
quando o dia amanhece e obriga o Frevo acabar
Ó Quarta-Feira ingrata chega tão depressa só pra contrariar”

Nunca pensei que iríamos olhar pra trás naquela despedida melancólica e demoraríamos tanto tempo para retornar. A saudade, aquela negra pantera que nos atocaiou na primeira curva da BR 101 atacou-nos de forma selvagem e indefensável… Daquele remoto 06 de Fevereiro de 2008 até hoje já se vão 737 dias do ataque fatídico. E mesmo assim não é que nós vamos para lá novamente? Sem medo e de peito aberto!


Nos Quatro Cantos cheguei, todo mundo chegou…

Dessa vez iremos munidos de mais câmeras digitais para registrar todos os momentos e mostrar para vocês com quantos músicos de sopro que se faz uma Orquestra de Frevo. Voltei Recife, logo você Recife que mandou me chamar. Olinda teus coqueirais, o teu sol, o teu mar faz vibrar meu coração, de amor a sonhar, minha Olinda sem igual, salve o teu Carnaval.

Sim, vamos para Pernambuco mas com o Ceará no Coração. Bandeira do Estado e do Time em punho, camisa do Time no corpo, Concentra Mas Não Sai e Luxo da Aldeia na cabeça. Admirados, apaixonados pelo Carnaval de lá, quase uma inveja, uma dor de cotovelo. Por que não aqui… ? Estamos vendo as sementes plantadas pelo Pré-Carnaval germinarem. Quem sabe daqui alguns anos? Quem sabe…

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

  

  

  

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.